Editor: Fernando Mauro Ribeiro - portalnovotempo.com - © 2017 PORTAL NOVO TEMPO CACHOEIRA ALEGRE/MG.

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle

December 3, 2019

Please reload

Posts Recentes

       Quando a Palavra toca o coração das pessoas, elas compreendem melhor o amor de Deus por elas. Quando tomados pela misericórdia divina...

CELEBRAMOS NESSE DIA 04, OS 24 ANOS DE IDEALIZAÇÃO DA FUNDAÇÃO

September 4, 2019

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

ANO SANTO EXTRAORDINÁRIO DA MISERICÓRDIA

February 10, 2016

ANO SANTO, UM NOVO TEMPO EM NOSSA IGREJA

             No dia 08 de dezembro de 2015, deu-se início a um novo tempo em nossa Igreja: a realização do Ano Santo Extraordinário da Misericórdia, que se estenderá até a festa de Cristo Rei, em novembro de 2016. Para tratar este assunto, o Papa Francisco escreveu algumas poucas páginas  - uma característica dele  -  chamada Bula Papal, porque é um documento importante e deve ser observado por toda a igreja. A esta Bula o Papa deu o nome de “Misericordiae Vultus”. Para nós que não dominamos o latim, a tradução seria o “Rosto da Misericórdia”. Precisamente, de quem é este rosto da misericórdia?

          A autoridade deste documento, antes das palavras, está nas atitudes do Pontífice: acolhedor, simples e sensível as realidades de sofrimento do ser humano. Suas palavras em seus discursos, homilias e admoestações evocam a autoridade de Jesus que não tinha medo de dizer o que acreditava e, no caso de Francisco, expressar, por inspiração divina, os anseios de Deus, para que o homem seja renovado sempre.

          Sem misericórdia não há salvação. Assim começa a bula papal. Os ouvidos se enrijecem porque são palavras difíceis, que anunciam, já no início, qual é a preocupação do Papa para este Ano Santo. Entenda bem, se eu não for misericordioso não conhecerei o amor de Deus. A misericórdia deve ser cultivada e alicerçada no amor infinito de Deus para conosco. Não se deve ter medo de oferecer o perdão, mesmo ao pior inimigo. Não é tão simples, claro. A misericórdia não são atributos de fé, mas são atitudes palpáveis, vistas e reconhecidas. Será que estamos dispostos? Ao longo desses 12 meses v amos fazer um belo caminho refletindo sobre o Ano Santo da Misericórdia.

Texto do Pe .Air J. Mendonça, M. S. C.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags