Editor: Fernando Mauro Ribeiro - portalnovotempo.com - © 2017 PORTAL NOVO TEMPO CACHOEIRA ALEGRE/MG.

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle

December 3, 2019

Please reload

Posts Recentes

       Quando a Palavra toca o coração das pessoas, elas compreendem melhor o amor de Deus por elas. Quando tomados pela misericórdia divina...

CELEBRAMOS NESSE DIA 04, OS 24 ANOS DE IDEALIZAÇÃO DA FUNDAÇÃO

September 4, 2019

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

PAROQUIANOS AGUARDAM O BALANCETE DA FESTA!

February 29, 2016

DECISÕES DO PADRE CAUSAM INQUIETAÇÕES

Como noticiamos na edição anterior, as chuvas impediram que se fizesse o leilão de gado na data programada. Assim, a Comissão encarregada dos festejos programou para o dia 31 de janeiro as festividades que encerram a Festa em honra ao seu padroeiro, São Sebastião.

               As  dez horas da manhã houve  a celebração da Santa Missa na Matriz. Depois foi servido um delicioso almoço no JUPTER clube, na sequencia o Leilão de Gado que atraiu muita gente para o entorno do curral, onde os bezerros eram leiloados e arrematados e, na Praça da Matriz o serviço de Barracas se estendeu até tarde na Domingueira, ao som da Banda FORRÓ SEM FREIO.

            A  demora da Comissão em divulgar o balanço da Festa e, algumas decisões tomadas por parte do padre, sem antes consultar o  CPP  - Conselho Pastoral    Paroquial, começam a causar inquietação entre os paroquianos.

             Há uma fonte informante que diz que o Leilão de gado arrecadou R$ 20.000,00;  outra fala em torno de R$ 25.000,00  e uma terceira diz que foram R$ 27.000,00. Qual é afinal a informação correta? Qual o valor preciso? As divergências começam a partir daí e, se estendem com a decisão do padre de dar dez por cento de desconto no pagamento à vista, sem consultar o CPP.

              Alguns doadores e arrematadores de bezerros manifestaram seu descontentamento com essa medida, que segundo eles não trará nenhum benefício à Paróquia, já que todos os pagamentos seriam efetuados no prazo de 30 dias com os cheques pré-datados, sem nenhum risco. Levando ainda em consideração que  nesse período, a paróquia não iniciará, nem concluirá nenhuma obra, assim como o dinheiro arrecadado não foi aplicado; não justifica conceder tal desconto e, entendem que não foi uma decisão inteligente.

 Como membro do Conselho, informo aos leitores que não fui consultado e que também sou contrário a essa decisão, mas que aguardo a próxima reunião com o nosso Pároco, para  maiores esclarecimentos.

Fernando M. Ribeiro

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags