Editor: Fernando Mauro Ribeiro - portalnovotempo.com - © 2017 PORTAL NOVO TEMPO CACHOEIRA ALEGRE/MG.

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
Please reload

Posts Recentes

       Quando a Palavra toca o coração das pessoas, elas compreendem melhor o amor de Deus por elas. Quando tomados pela misericórdia divina...

CELEBRAMOS NESSE DIA 04, OS 24 ANOS DE IDEALIZAÇÃO DA FUNDAÇÃO

September 4, 2019

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

19 DE MARÇO: DIA DE SÃO JOSÉ

Ó GLORIOSO SÃO JOSÉ

            A Tradição católica consagra o mês de março, ao Glorioso São José, esposo de Nossa Senhora e Pai de Jesus, segundo a Lei. São José é chamado Patriarca. No Antigo Testamento, o patriarca era considerado um amigo de Deus, mas um amigo muito íntimo, pois Deus revelava seus desígnios ao patriarca até mesmo em sonhos. Foi durante um sonho que São José recebeu a revelação de Deus, sobre a origem divina da gravidez de sua noiva. Foi durante um sonho que São José recebeu a ordem divina de fugir com sua família para o Egito, pois Herodes procurava o menino para matá-lo. Foi ainda em sonho que ele recebeu a ordem de voltar para a sua pátria, pois Herodes já havia morrido.

            São José recebeu de Deus, através do anjo, a ordem para dar nome ao filho de sua esposa, Maria. Na Sagrada Escritura, “dar nome” significa tornar-se pai ainda que biologicamente não o seja. Ao tornar-se pai de Jesus, segundo a Lei, José , que era da descendência de Davi, inseriu o menino Jesus na mesma descendência, a fim de que se cumprisse a Escritura, segundo a qual, o Messias deveria pertencer à descendência de Davi.

            Os Evangelhos não registram nenhuma palavra de São José. Registram apenas o seu silencio. E não se trata de um silencio qualquer. Trata-se do silencio de alguém que está sempre atento para ouvir a Palavra de Deus e obedecê-la. Atento para descobrir o desígnio de Deus sobre a própria vida. O silencio de São José é o silencio do homem de vida interior, que se curva diante do mistério de Deus.

            São José é muito querido em toda a Igreja. É invocado como protetor dos trabalhadores, pois ele mesmo foi um operário, que manteve com o seu trabalho, a sua família na existência. É invocado como patrono da Igreja universal. E com muita razão. A Igreja é comunidade reunida em torno de Jesus. E a primeira comunidade que se reuniu em torno de Jesus foi a família de Nazaré da qual São José era o chefe. Que neste mês de março, São José interceda, junto de Deus por todos os trabalhadores, pelos nossos leitores, pelas nossas famílias e pela Igreja presente no mundo inteiro.

Dom Benedito Beni dos Santos – Bispo da Diocese de Lorena – SP.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags