Editor: Fernando Mauro Ribeiro - portalnovotempo.com - © 2017 PORTAL NOVO TEMPO CACHOEIRA ALEGRE/MG.

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
Please reload

Posts Recentes

       Quando a Palavra toca o coração das pessoas, elas compreendem melhor o amor de Deus por elas. Quando tomados pela misericórdia divina...

CELEBRAMOS NESSE DIA 04, OS 24 ANOS DE IDEALIZAÇÃO DA FUNDAÇÃO

September 4, 2019

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

FORAM TRES DIAS PASSEANDO PELA LAGOA DA PAMPULHA

UM DOS MAIS BELOS CARTÕES POSTAIS DE BH.

 

            Foi neste cenário encantador que passamos – Conceição e eu e mais um grupo de amigos – o final de semana – 03,04 e 05 de junho – desfrutando das belezas da capital mineira. Estivemos na Igreja de São Francisco, para a cerimônia de casamento dos sobrinhos, o casal Ana Luíza e Vinícius. O padre fez uma celebração com muito gosto e a Igrejinha estava repleta de amigos e parentes. Fiz fotos dos painéis do altar mor e de cada quadro da Via Sacra, pintados por Cândido Portinari. Descrever a beleza desse conjunto arquitetônico é “chover no molhado”. Vou gastar muito do meu tempo e não conseguirei imprimir metade das maravilhas que os olhos vêem. É local ideal para passear, sentir a brisa, estar com quem se gosta ou simplesmente desfrutar as coisas belas da vida, a Pampulha é um lugar único, um dos principais cartões-postais de Belo Horizonte. A Lagoa, com 18 quilômetros de extensão, representa um belo cenário para diversas atividades como: caminhada, ciclismo, competições internacionais, queima de fogos.
         Turistas e moradores da capital têm contato com o conjunto de intervenções urbanísticas e construções reveladoras da interação entre a arquitetura, as artes plásticas e o paisagismo de fino gosto.  Então, vou apenas comentar superficialmente esse nosso pequeno, mas, rico período em que estivemos em BH. As fotos falam mais que mil palavras, mas também as informações que se seguem o ajudará a entender um pouco da história e da beleza desta nossa Belo Horizonte. Cartão postal de Belo Horizonte, a Lagoa da Pampulha representa, mundialmente, as propostas de modernidade dos anos 40. Turistas e moradores da capital têm contato com o conjunto de intervenções urbanísticas e construções reveladoras da interação entre a arquitetura, as artes plásticas e o paisagismo de fino gosto. O gênio criador, Oscar Niemeyer marcou profundamente o espaço urbano que se estendeu para além dos limites da cidade projetada e circunscrita ao anel da Avenida do Contorno.

         

TRÊS GÊNIOS: OSCAR NIEMEYER, CÂNDIDO PORTINARI E BURLE MARX

           Ao longo dos anos, a Pampulha assumiu sua vocação natural para o turismo e o lazer. A riqueza do complexo arquitetônico atrai milhares de turistas que vêem ícones da modernidade nas curvas da Igreja de São Francisco, no Museu de Arte Moderna e na Casa do Baile, construções geradas sob as perspectivas desenvolvimentistas do prefeito da época, Juscelino Kubitschek. O projeto previa a construção de uma série de edifícios em torno de um lago artificial: um cassino, um clube de elite, um salão de danças populares, uma igreja e um hotel, que não foi construído. A obra é projetada como um conjunto em que cada elemento é visto de forma independente e autônoma. Além disso, os edifícios são pensados em estreita relação com o entorno, que fornece a moldura natural e a inspiração para os desenhos e as plantas. O centro do projeto, de acordo com a encomenda, deveria ser o cassino, que foi o primeiro edifício a ser construído.

          À arquitetura de Oscar Niemeyer juntam-se a pintura de afrescos e azulejos de Cândido Portinari, as esculturas de Ceschiatti, Zomoiski e José Pedrosa. O painel de Paulo Werneck e o paisagismo de Roberto Burle Marx configuram-se uma das correntes da arquitetura moderna a serviço da beleza plástica.  Na esteira do complexo arquitetônico, incorporou-se o Aeroporto da Pampulha, construído antes mesmo da represa, e mais tarde o Campus da UFMG, a Fundação Zoo-Botânica, os estádios Mineirão e Mineirinho, entre outros. A Lagoa da Pampulha, com 18 quilômetros de extensão, representa um belo cenário para diversas atividades como: caminhada, ciclismo, competições internacionais, queima de fogos.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags