Editor: Fernando Mauro Ribeiro - portalnovotempo.com - © 2017 PORTAL NOVO TEMPO CACHOEIRA ALEGRE/MG.

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle

January 22, 2020

Please reload

Posts Recentes

       Quando a Palavra toca o coração das pessoas, elas compreendem melhor o amor de Deus por elas. Quando tomados pela misericórdia divina...

CELEBRAMOS NESSE DIA 04, OS 24 ANOS DE IDEALIZAÇÃO DA FUNDAÇÃO

September 4, 2019

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

HOSPITAL SÃO PAOLO CELEBRA SEUS 91 ANOS

May 26, 2018

MISSA E ENTREGA DA COMENDA PADRE MAXIMINO BENASSATI, MARCAM O ANIVERSÁRIO DE 91 ANOS DO HOSPITAL SÃO PAULO.

      Uma festa bonita, para uma história bonita. A existência dessa Casa de Caridade, o Hospital São Paulo é uma bênção para os muriaeenses e toda a região. É também, fruto de árduo trabalho, de abnegados senhores que muito se dedicaram para tornar realidade um projeto da década de 20, que se concretizou em 1927, tendo como fundador o ilustre senhor Izalino Romualdo da Silva.

     “Sonho que se sonha só, é só um sonho. Mas, sonho que se sonha junto, é realidade”. Conhecedor talvez, desse pensamento, o Sr. Izalino convidou outras tantas pessoas para sonharem com ele. Vou mencionar aqui, o nome de 14 cidadãos que contribuíram para que o sonho de se construir um hospital se tornasse realidade e, eles têm o seu nome gravado na história dessa entidade e também da cidade, já que o HSP é uma Casa de Caridade que atende a todos, nas suas mais diversas necessidades.

    

 

Um monumento erguido na praça Dr. Gilmar Dutra Melo e Felipe – a praça do hospital – que fora subtraída para abrigar uma cantina e tornar-se um estacionamento, onde se cobra por cada hora, para prestar esse serviço; quando, na verdade, a praça que sempre foi do povo, passou a ter outros donos. Mas, eu falava desse monumento, onde fora fixado um busto do fundador e uma placa, numa justa homenagem, com o nome desses grandes colaboradores na fundação desse hospital, que é referência na região e motivo de orgulho para todos nós.

     São eles: Antonio José Monteiro de Castro; Antonio Pereira Coeelho; Edmundo Rodrigues Germano; Francisco Alves de Assis Pereira; Gabriel de Oliveira; João Ferreira de Freitas; João Freitas da Silva; José Martins Oliveira Chaves; José Pacheco de Meedeiros; Julio Augusto Carneiro; João Alerano Bandeira de Melo; Nicolino Guarino; Olavo Tostes e Padre Otoni Carlos Rodrigues.

     É oportuno lembrar também, a presença das Irmãs Marcelinas nessa instituição. Lembro-me que um grande número delas, residiam no hospital e ali dedicavam seu tempo, desempenhando um trabalho muito importante para a sobrevivência da Casa de Caridade e o bom atendimento aos seus pacientes. Destaco, entre as Irmãs Marcelinas, a dedicação da Ir. Tereza Colombo, ao longo de muitos anos.

     Também a presença e a ação efetiva do incansável Padre Maximino Benassati, que é sempre lembrado por todos, e nesse dia especial, quando se criou a Comenda em seu nome, onde muitos são homenageados pelos serviços prestados à instituição, funcionários ou não.

     As comemorações tiveram início nessa sexta-feira às 10h, no Auditório Rosemary Francisco Feres, com a celebração da Santa Missa pelo Revmo. Padre Geraldo Chaves, responsável pela Capelania, que tem sede no complexo da FCV, na Igreja de Nossa Senhora do Divino Pranto e atende a outras capelas auxiliares.

      Depois da missa festiva, todos permaneceram no local, onde foram entregues a Comenda Padre Maximino Benassati. A cerimônia foi aberta pelo competente e abnegado provedor Sr. Messias Soares Vardiero, que fez uma pequena saudação a todos em nome do Hospital, lembrou o trabalho de muitos que passaram pela Casa, deixando sua marca através do trabalho e da convivência fraterna.

     Autoridades civis, eclesiásticas, políticos como deputados estadual e federal, funcionários da Casa ou não, receberam a honraria. O Dr. Ronaldo Guarçoni fez um discurso emocionado, quando falou da alegria de ter também servido aquela Casa, na condição de advogado e da satisfação por ser contemplado com tamanha honraria.

     Nos corredores, pátio e jardins do HSP, onde fora servido o almoço, era grande a movimentação de funcionários e convidados que, ao som do DJ. Felipe Massa, tomavam seus lugares nas mesas e enorme fila se formou para se servirem do delicioso bufê.

    

 

Tanta gente já passou por esta instituição, mencioná-las uma a uma, não seria possível. Lembro-me dos provedores, os senhores Mario Monteiro de Castro Filho e Aloísio Porto, que faço questão de citá-los, pois sei da extrema dedicação com que conduziram seu trabalho nessa Casa. Mas, mesmo não desejando, acabo por cometer injustiça, já que não relacionarei outros nomes que de alguma forma, escreveram uma bela página na história dessa instituição. Assim, nosso reconhecimento a todos os profissionais da saúde, a todos os funcionários do HSP a nossa gratidão, à atual diretoria nosso aplauso, aos seus fundadores os nossos parabéns e a todos de modo geral, nossas orações, em nome do Portal Novo Tempo. Viva o Hospital São Paulo!

Fernando M. Ribeiro

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags