Editor: Fernando Mauro Ribeiro - portalnovotempo.com - © 2017 PORTAL NOVO TEMPO CACHOEIRA ALEGRE/MG.

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
Please reload

Posts Recentes

       Quando a Palavra toca o coração das pessoas, elas compreendem melhor o amor de Deus por elas. Quando tomados pela misericórdia divina...

CELEBRAMOS NESSE DIA 04, OS 24 ANOS DE IDEALIZAÇÃO DA FUNDAÇÃO

September 4, 2019

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

MISSÃO DE PENTECOSTES NA MATRIZ SÃO SEBASTIÃO, EM CACHOEIRA

August 9, 2018

          Paróquia São Sebastião de Cachoeira Alegre tem a alegria de receber dezenas de fiéis ao longo do dia, na Capela do Santíssimo, toda quinta feira, a partir das 14h, para adoração ao Santíssimo Sacramento, que se estende até às 18:30h, e culmina com a celebração da Santa Missa, quando a Matriz recebe então, um número muito maior de pessoas. Entusiasmado e comprometido, o paroquiano está bastante assíduo e isso despertou na comunidade a fé, tanto que as celebrações estão lotando a igreja.

        Algumas vezes, o padre João Pedro convidou equipes da RCC para realizarem tarde-noite de louvores. Assim, recebemos a visita de Grupos de Oração como o Cenáculo, da Matriz São Paulo de Muriaé, O Grupo de Oração Semear que tem dentre os seus membros a Marly, - uma amiga de oração da RCC, desde a década de 90 – Dickisson, Poliana, Pedro, Jeferson e Maurício, que apresentam um programa todos os sábados, às 11h, na Rádio Catedral FM 105,9.

       Dessas visitas, recebemos a bênção de ver nasceu a Missão de Pentecostes, em Cachoeira Alegre. O que é isso? Consiste na oração do Rosário de Pentecostes, textos muito bem elaborados, inspirados pela ação do Espírito Santo e com aprovação eclesiástica. O objetivo é despertar nas pessoas, o interesse e o prazer da oração. Que cada um seja um elo nessa corrente que, Oxalá aconteça de se estender pela paroquia, pela diocese, por Minas Gerais e o brasil inteiro. Que se viva diariamente o Batismo no Espírito Santo, rezando uns pelos outros.

         Todos são divulgadores, multiplicadores dessa devoção e devem incluir a todos que desejarem viver essa experiência. Tem-se também como objetivo pedir e atender a pedidos de oração e, dar testemunhos através do Rosário de Pentecostes, disse o Dicksson, em sua última visita a Cachoeira.

   Esse encontro de 02 de agosto foi uma bênção. É bem verdade que o padre João Pedro não veio para celebrar – isso ocorre com certa frequência e ele atribui a chuva que caíra na segunda ou terça feira, outras vezes está gripado, teve outro compromisso, precisou viajar... – e o número de fiéis foi muito pequeno.  “É pena que nosso padre seja tão inconstante. Pois o povo está correspondendo... Tanta gente que não vinha mais à Igreja, está voltando”! " É, quando o povo está se acostumando com a missa..."

         Nesse dia seria celebrada a Missa de sétimo dia de Antônio Carlos Ribeiro. O padre não veio, nenhum ministro se apresentou para celebrar, os animadores do Grupo de Oração, em nenhum momento mencionou aquela intenção. De fato, isso é recorrente, outras famílias já se aborreceram com a recusa do padre de celebrar. Não fosse o pedido que fiz ao Dickisson para rezar um Pai Nosso pela alma de meu tio, as pessoas nem entenderiam quando ao final do Encontro de Louvor, eu distribuía uma lembrancinha com uma oração de Santo Agostinho e uma foto do falecido. Uma senhora me perguntou: “Que dia será a missa de sétimo dia”?

         Não estou atirando pedras em ninguém, mas acho que nossa liderança deveria ser mais cuidadosa, mais atenta, mais acolhedora. Nosso pastor deveria olhar para as ovelhas feridas com mais carinho. De qualquer forma, sei que na Missa de sétimo dia, celebramos a “vida” e não a morte. Uma vida nova, plena, o encontro definitivo com o Pai, que é rico em misericórdia, e creio, vai receber mais um dos seus filhos.

Fernando M. Ribeiro     

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags