Editor: Fernando Mauro Ribeiro - portalnovotempo.com - © 2017 PORTAL NOVO TEMPO CACHOEIRA ALEGRE/MG.

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
Please reload

Posts Recentes

       Quando a Palavra toca o coração das pessoas, elas compreendem melhor o amor de Deus por elas. Quando tomados pela misericórdia divina...

CELEBRAMOS NESSE DIA 04, OS 24 ANOS DE IDEALIZAÇÃO DA FUNDAÇÃO

September 4, 2019

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

II MOSTRA LITERÁRIA! ARTE E LITERATURA NA ESCOLA.

October 11, 2019

TOME UMA ATITUDE: ISTO É UMA ORDEM!

       Não, não te assustes com o subtítulo! Eu, bem que poderia me dirigir dessa forma, àqueles que ficaram indiferentes ao convite da Escola. Mas além de autoritário, estaria sendo também deseducado. Contudo, exorto-vos, amigos leitores, que, se tiverem oportunidade de visitar a Escola de seu filho; faça-a!  Não penses que é uma intimidação, não te assustes com o subtítulo, pois falaremos de Arte, Cultura, Educação...

       No dia 11 de outubro de 2019, a Escola Estadual Domiciano Cerqueira, em Cachoeira Alegre, estava movimentada em função da culminância dos trabalhos literários e artísticos dos alunos do ensino fundamental, médio e EJA.

        Os alunos do Ensino Fundamental homenagearam o poeta mineiro, que nasceu neste mês, no dia 31 de outubro de 1902, na cidade de Itabira; Carlos Drummond de Andrade. Com entusiasmo, apresentaram a biografia do autor (aluno do 7º B), declamaram coletivamente o poema “E agora, José”? Alunos do 8° e 9° anos, abordando um contexto histórico desesperançoso perante o cenário político brasileiro e mundial, (ditadura da Era Vargas) e a (Segunda Guerra Mundial) respectivamente.

 

Me vejo no que vejo

Como entrar por meus olhos

Em um olho mais límpido

Me olha o que eu olho

É minha criação

Isto que vejo

Perceber é conceber

Águas de pensamentos

Sou a criatura do que vejo”.

(Octavio Paz)

      Neste pequeno grande poema percebe-se a grandeza da CRIAÇÃO, a beleza de expor aquilo que sinto por meio da ARTE e da LITERATURA. “Me olha o que olho/ É minha criação/ Isto que vejo” – vejo, percebo e sinto o mundo; as mentalidades e anseios de cada época. É como gritar e mostrar ao mundo o que sinto, é importante para mover o moino da história da vida! Derramo meus pensamentos através da criação, logo; SOU A CRIATURA DO QUE VEJO!

     Na percepção deste raciocínio, o Ensino Médio elaborou uma MOSTRA pensando no tema do poema de Octávio Paz, se sou a criatura do que vejo, olhamos ao nosso redor, O QUE VEMOS? COMO VEMOS? COMO REAGIMOS AO QUE VEMOS? Questões que nos fazem refletir sobre a CRIAÇÃO e a CRIATURA.

      Seremos capazes de modificar a nossa realidade? Pense... Você é a única pessoa capaz de realizar esse feito!

TOME UMA ATITUDE! ISTO É UMA ORDEM!

       E neste sentido, os alunos do 1° ano A e B, com muita dedicação, confeccionaram um espaço onde muito provavelmente, levarão aos visitantes a uma GRANDE REFLEXÃO sobre nossas atitudes virtuosas e viciosas.

      O 2° ano, também com muito comprometimento, editaram revistas com o tema Romantismo, o período que caracterizou a identidade brasileira, fixou nossas origens e manifestou suas dores e profundas angústias; porém, percebeu que não se vive só, o outro também tem problema e que precisa-se ser grandiloquente para que sejamos notados. Assim, O NAVIO NEGREIRO, nos aproxima dos marginalizados, dos excluídos – nada mais atual.

SEJAMOS FORTES, VIBRAI A CADA CHICOTADA; ACORDA!

 

        O 3° ano, com muito carinho e dedicação, destacou a beleza oculta por trás da obra das VANGUARDAS EUROPEIAS, que a princípio nos choca, no entanto nos fazem refletir sobre a liberdade de criação e expressão. Vocês serão testemunhas de um VERNISSAGE, com quadros, fotografias e esculturas que, aparentemente, não nos fazem sentido; mas engana-se pensa assim, na verdade, tem todo o sentido do mundo, da vida e que até hoje se fazem presentes. Se somos tão ecléticos na atualidade agradeçam aos VANGUARDISTAS e o MODERNISMO por nos tirarem as vendas da ignorância.

       Foi apresentada também a biografia de Michael Jackson. Após as apresentações e leituras foi aberta a Exposição que brindou os visitantes com os belíssimos trabalhos confeccionados com materiais reciclados e as redações produzidas ao longo do ano, dentre essas temos:

Concurso de Desenho e Redação com o tema: “Faça o que é certo, ainda que ninguém veja”!

       Olimpíadas de Língua Portuguesa com o tema: “O lugar onde eu vivo” da qual dois textos foram selecionados na etapa municipal.

       Pais de alunos e outros convidados que visitaram o local, viveram uma experiência única, que é contemplar, admirar, avaliar o trabalho dos alunos e testemunharem o progresso de todos eles, através de uma Mostra Literária, em que viveram momentos de reflexão, de crescimento próprio em razão da qualidade do conteúdo exibido e se emocionarem com o trabalho abnegado de professores, diretores e todo o corpo docente desse estabelecimento de ensino, que tanto contribui na formação de cidadãos e cidadãs.

       A equipe do Portal Novo Tempo registra aqui os agradecimentos à professora Letícia Mançor Ribeiro, pela gentileza do convite, pelas informações e as fotos passadas à redação.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags