Editor: Fernando Mauro Ribeiro - portalnovotempo.com - © 2017 PORTAL NOVO TEMPO CACHOEIRA ALEGRE/MG.

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
Please reload

Posts Recentes

       Quando a Palavra toca o coração das pessoas, elas compreendem melhor o amor de Deus por elas. Quando tomados pela misericórdia divina...

CELEBRAMOS NESSE DIA 04, OS 24 ANOS DE IDEALIZAÇÃO DA FUNDAÇÃO

September 4, 2019

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

PROFISSÃO REPÓRTER: CACHOEIRA ALEGRE NA TELA DA GLOBO

October 17, 2019

          Pena que o tema tenha sido referente a violência. Essa violência que vem fazendo vítimas no Brasil inteiro, que vem ceifando vidas de inocentes trabalhadores e destruindo famílias. Noticiamos aqui a morte de José Pio Baia Júnior, cachoeirense que há alguns anos residia no Rio de Janeiro e que perdera a vida quando exercia sua profissão de pedreiro, fazendo uma laje na Comunidade de Vila Kenedy, à margem da Avenida Brasil.

       Tamanha foi a repercussão, que além de divulgar imagens do local, onde os moradores se manifestaram, entrevistar membros da comunidade e populares, o repórter Caco Barcelos da Rede Globo de Televisão, veio com sua equipe de cinegrafistas a Cachoeira Alegre, para melhor conhecer a família e externar para os telespectadores a dor de uma mãe ao se  perder um filho, a dor da família e dos amigos pela perda de um ente querido, que fazia planos para retornar à terra natal, assustado que estava com a violência na cidade do rio de Janeiro.

         Profissional que há anos faz esse tipo de reportagens emplacou um programa semanal na TV Globo, que vai ao ar toda quarta-feira, após o Jornal da Globo, por volta das 23:00 horas; Caco Barcelos esteve em Cachoeira Alegre, conversou com as pessoas, foi até à Igreja-matriz São Sebastião, onde foi rezada missa de sétimo dia pela alma do “Juninho” – assim ele era conhecido – Entrevistou amigos e familiares, foi até à residência da senhora Eva, a mãe da vítima, almoçou com populares no terreiro da casa, ouviu a primeira professora – Suzete Soares Dias Ferraz -  que falou sobre o comportamento do ex-aluno, o então menino cheio de sonhos da pacata Cachoeira Alegre.

       Sei que ao ser editado, o programa passa por cortes e depois, nem tudo que se é filmado, é exibido, nem tudo vai ao ar. Mas sei também que essa edição é feita por profissionais que selecionam o que há de mais importante para ser mostrado aos fiéis telespectadores. Assim, sem querer fazer sensacionalismo, mesmo porque, não é essa a linha de nosso jornal; apenas exorto nossos leitores que desejarem conferir o trabalho da equipe de jornalismo, que a matéria, será mostrada no programa que vai ao ar hoje, na TV Globo.

Fernando M. Ribeiro

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags