Editor: Fernando Mauro Ribeiro - portalnovotempo.com - © 2017 PORTAL NOVO TEMPO CACHOEIRA ALEGRE/MG.

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
Please reload

Posts Recentes

       Quando a Palavra toca o coração das pessoas, elas compreendem melhor o amor de Deus por elas. Quando tomados pela misericórdia divina...

CELEBRAMOS NESSE DIA 04, OS 24 ANOS DE IDEALIZAÇÃO DA FUNDAÇÃO

September 4, 2019

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

O TALENTO DO ARTISTA VAI ALÉM DE INTERPRETAR. ELE INTERAGE E O POVO CANTA E DANÇA. VEJA ENTREVISTA COM O CANTOR ALEMÃO DO FORRÓ

November 5, 2019

     

 

 Dizer que o artista é a sensação do momento, não seria justo, já que o cantor capixaba está na estrada há algum tempo, faz seu trabalho na região sudeste, é conhecido no Brasil inteiro e já se apresentou no exterior. Com o seu carisma está consolidando sua carreira, tem agenda lotada e, onde quer que ele se apresente, arrasta uma multidão de fãs. O cantor recebeu a equipe do Portal Novo Tempo em seu camarim, para uma entrevista, depois de retumbante apresentação no palco da Festa do Cachoeirense em 01/11/2019, quando falou de seu trabalho. Confira:

 

Novo Tempo: Você já um público, tem fã clube e saiba que o repórter que vos fala, está inserido nesse grupo. Fane-nos um pouco de sua origem, sua família, cidade natal...

 

Alemão: Muito obrigado pelo carinho. Eu sou de Linhares, ES e venho me apresentando muito nessa região e agradando bastante com o nosso trabalho, mas, hoje, me surpreendi com a participação do público. A galera cantou todas as minhas músicas, as novas e as antigas, o parque estava totalmente lotado e foi sensacional. Obrigado Cachoeira, estamos juntos!

 

Novo Tempo: O Estado do ES. É um celeiro de grandes artistas. Cachoeiro de Itapemirim nos deu Roberto Carlos, Raul Sampaio; a cidade de Alegre, nos deu o saudoso Paulo Sérgio. Sua família é capixaba e “Alemão” é nome artístico?

 

Alemão: Vejo que estás bem informado (risos). É, a família é capixaba, sim! Meu nome é Uerlei de descendência italiana e alemã. Sendo descendente, chamavam-me de Alemão e hoje, com registro, tornou-se o meu nome artístico.

 

Novo Tempo: E sua trajetória na música. O início de carreira é sempre difícil. As dificuldades, as alegrias, as conquistas... Fale um pouco de sua trajetória.

 

Alemão: De fato, as dificuldades foram muitas. Comecei tocando sozinho com um tecladinho, tocando baratinho na minha região, mas com determinação estamos construindo uma carreira legal.

 

Novo Tempo: Quanto tempo de estrada?

 

Alemão: Hoje tenho 6 CDs gravados, 6 DVDs gravados, fizemos uma turnê nos Estados Unidos e vamos voltar o ano que vem (2020). E vem CD novo aí!

 

Novo Tempo: Não foi fácil contratá-lo. A agenda para esse ano, está fechada?

 

Alemão: Praticamente. Muitos shows agendados e vamos fazer também alguns programas de TV, como o “Boteco do Ratinho”, no SBT; o Programa do Raul Gil e tem muita coisa bacana para acontecer ainda.

 

Novo Tempo: Você nos proporcionou uma noite muito agradável com seu excelente repertório. Que avaliação você faz do show? A galera correspondeu às expectativas?

 

Alemão: “Tamo junto”! Sensacional a participação do público. Sem dúvida, foi além das expectativas. Como já disse: Cachoeira me surpreendeu. É muito lindo ver a galera cantando junto.

 

Novo Tempo: Não somos Uma Cachoeiro de Itapemirim, mas somos uma modesta Cachoeira Alegre. Então, essa alegria não passou despercebida?

 

Alemão: Não, de jeito nenhum! O povo interagiu, cantou e dançou. É aquilo que você falou mesmo, a gente vai seguindo, levando alegria, àqueles que acreditam no nosso trabalho, nosso empresário é Deus. Vamos levando para todo o mundo nosso Forró Capixaba e só tenho a agradecer.

 

Novo Tempo: Deixe uma mensagem para os fãs, para nossos leitores.

 

Alemão: Só tenho a agradecer ao fãs, a essa galera de Cachoeira e região, a todos os mineiros que curtem nosso trabalho. A você que me entrevista e que veio curtir o show. Gostou? (risos) Você deixar um CD com você... Quero voltar a Cachoeira!

      E assim concluímos nosso bate papo com o talentoso Alemão do Forró, que gentilmente, autografou o meu CD, me deu outros (que já distribui com os amigos) e fez fotos com os fãs.

Fernando M. Ribeiro

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags