Editor: Fernando Mauro Ribeiro - portalnovotempo.com - © 2017 PORTAL NOVO TEMPO CACHOEIRA ALEGRE/MG.

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
Please reload

Posts Recentes

       Quando a Palavra toca o coração das pessoas, elas compreendem melhor o amor de Deus por elas. Quando tomados pela misericórdia divina...

CELEBRAMOS NESSE DIA 04, OS 24 ANOS DE IDEALIZAÇÃO DA FUNDAÇÃO

September 4, 2019

1/1
Please reload

Posts Em Destaque

EDITORIAL: ANO NOVO, DECISÃO NOVA, VIDA NOVA. SERÁ?

January 1, 2020

        Estamos iniciando mais um ano do calendário civil. Diz um ditado popular: Ano Novo, vida Nova”. Será?

       Olá, queremos estar ainda mais próximos de você e é isto o que promovemos: a comunhão entre as pessoas. A cada matéria, a cada mensagem, a cada notícia inserida, seja ela de esporte, política ou religião, estamos juntos para transmitir a alegria do amor. Uma alegria sincera que muda o coração porque vem de Deus, porque consola, cura e liberta.

       Este tem sido nosso desafio permanente: ao retratarmos as celebrações litúrgicas da Igreja-matriz, queremos promover o encontro entre a Palavra de Deus, você e sua família. Com a ajuda generosa de tantas pessoas, temos feito todo o possível para que nos tornemos mais políticos e menos “politiqueiros”, para que não sejamos indiferentes à realidade de nosso município e de nosso país, e, é nosso desejo que essa mensagem se multiplique. Quando falamos de esportes, tentamos deixar a paixão de lado e nos expressarmos com a razão. Ok, talvez, nem sempre conseguimos, mas saiba que nos esforçamos para isso.

       Por meio desse informativo, além de se evangelizar através da Palavra, da oração, da prestação de serviço; levando a esperança e a fé para as pessoas; levamos também entretenimento, lazer, informações das mais variadas, sejam notícias complexas ou não, queremos a cada dia reafirmarmos esse nosso compromisso; porque informar é preciso e a verdade é soberana e libertadora. A cada desafio, a cada obstáculo vencido, sentimo-nos mais fortes para enfrentar as intempéries do caminho.

     É uma época em que a esperança se renova e fazemos uma série de promessas e planos, que muitas vezes, só vemos, que não cumprimos quando estamos à espera de mais um novo ano. Por isso, nos convém uma reflexão: “Sou o que Deus pensou para mim ou fruto de escolhas equivocadas”?

       O grande poeta Luiz de Camões disse: “Jamais haverá ano-novo se persistimos nos erros dos velhos”. Isso é uma verdade, mas ressalto o que disse: “Tudo é possível ao que crê” (Mc 9,23).

       Cada ano que iniciamos vem com a proposta de zerar tudo, de recomeçar, de superar as diferenças, e acima de tudo, perdoar, pois o perdão é essencial para a paz. Para que a verdadeira paz aconteça ela deve começar em cada um de nós. Por isso, quando celebramos hoje, o Dia da Confraternização Universal, devemos pedir a Deus e clamar a Jesus, Príncipe da Paz, para que Ele nos faça instrumentos propagadores, semeadores da Paz.

       Este contexto nos leva a refletir que somos instrumentos da paz na medida em que buscamos a conversão. A paz é fruto da conversão. E conversão significa mudança, converter um ponto, priorizar outro caminho, o da concórdia.

       Todo mundo conhece o bicho preguiça. Ele tem preguiça até de viver. Igualmente nós estamos sofrendo de uma preguiça espiritual. Isso é um dos frutos do pecado original, e um dos males de hoje, pensar “está bom assim” e ir levando do jeito que dá. Vamos cozinhando em banho-maria e empurrando a vida, nos adaptando, mesmo às coisas erradas e deixamos do jeito que está.

       Não deveria ser assim, isso pode parar. Não devemos pensar, “mas sempre foi assim, eu sou assim”. Pensemos que pode ser diferente. Podemos não conseguir mudar o que somos, mas em Deus podemos mudar o que fazemos.

       Portanto, aspire calmo, suspire sereno coloque a paz em si, sente-se com cautela, olhe com honestidade, se mova com cuidado, sorria simpaticamente, relaxe agradavelmente. Levante-se em plenitude, erga-se com dignidade, ouça o silêncio; agora olhe com felicidade para o irmão, com bondade dê um passo, siga o caminho sensato, aperte a sua mão com firmeza, humildemente, agora abrace-o calorosamente com o amor de Deus. Afinal é o dia de nos espelhar no Criador e dignificar o irmão.

       Iniciemos, pois, esse Novo Ano com o melhor e mais perfeito plano para a sua vida: a Divina Vontade. Sim! A vontade de Deus, desde toda eternidade, já tem um Plano de Amor traçado para a sua vida e é o único caminho para a sua plena FELICIDADE!

O Editor

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga
Please reload

Procurar por tags